faceLite 2018-07-04T11:02:52+00:00

Planejamento e gerenciamento de acessos

CONHEÇA A SOLUÇÃO
FAÇA DOWNLOAD DO MANUAL DO USUÁRIO

FACELITE

O QUE É?

O faceLite é uma plataforma de segurança e controle que efetua o planejamento, execução e gerenciamento de acesso de pessoas nos ambientes corporativos com o objetivo de aumentar a segurança, organizar e otimizar os processos internos das empresas.

Com o faceLite, todos os funcionários, visitantes e colaboradores terceirizados são cadastrados com suas respectivas regras e permissões de acesso. Além disso, os relatórios permitem que os gestores acompanhem o fluxo de pessoas e tenham informações certeiras sobre onde e quando cada um esteve, está ou estará dentro dos ambientes controlados.

QUER SABER MAIS?

POR QUE?

Atualmente, ao analisar como as maiores e mais bem-sucedidas organizações veem as empresas, percebemos que todas valorizam seus recursos humanos antes mesmo de seus próprios produtos. O conceito de que são as pessoas inseridas dentro das organizações que fazem a empresa já faz parte do DNA da administração moderna e isso tem se mostrado uma estratégia vencedora.

“Nosso negócio não é cerveja, nem hambúrguer ou ketchup, é gente!”
Jorge Paulo Lemman

Dentro deste novo contexto empresarial, a alocação eficiente das pessoas dentro dos espaços físicos das empresas é essencial para aumentar a eficiência de processos. Basicamente, isso significa que se alocarmos as pessoas certas, aos lugares certos e nas horas certas, a tendência é de que a produtividade delas aumente e que isso reflita positivamente nos resultados da empresa.

O desafio para atingir tal patamar é como as corporações controlam o fluxo de pessoas, para que elas se movimentem em seu dia a dia de acordo com o que está planejado.

É neste momento que o Sistema faceLite entra em ação, gerenciando todas as informações de acesso em conjunto com os dispositivos faciais da Biomtech. Isso permite um aumento significativo na capacidade de gerir seus recursos humanos com muito mais eficiência e de forma planejada:

Para ilustrar melhor esta proposta de valor, veja na tabela abaixo como se comporta uma empresa sem controle de acesso e como se comporta uma empresa que utiliza a solução faceLite:

Quando levamos em consideração a segurança dentro das empresas, ter um sistema capaz de controlar exatamente quem e quando pode acessar um determinado local é algo extremamente valioso. Seja para controlar acesso a estoque e almoxarifados, área financeira ou desenvolvimento de produtos onde se deve existir sigilo de informações, ter o acesso controlado por uma solução eficiente e segura é essencial.

Além disso, inúmeros negócios necessitam deste tipo de controle para atender uma necessidade externa, como é o caso de laboratórios ou canteiros de obra onde existem locais de risco ou até mesmo corretoras e bancos onde as salas de corretagem só podem ser acessadas por pessoas credenciadas conforme imposições da CVM. Sendo assim, utilizar o faceLite irá diminuir significativamente as chances de perda em decorrência de multas ou roubos de patrimônios físicos e intelectuais.

COMO FUNCIONA?

A Arquitetura do faceLite foi criada em estrutura piramidal que funciona através de uma comunicação entre dispositivos em uma rede e usuários atrelados a vários locais de controle.

Rede: Estrutura de comunicação interna que pode ser tanto Wi-Fi quanto cabeamento estruturado. Para que o faceLite funcione corretamente, todos os dispositivos envolvidos devem estar apontados para o servidor e em sua mesma faixa de IP. A rede criada será responsável por promover a comunicação entre o servidor e os equipamentos instalados como barreiras físicas.

O local de controle é um ambiente físico, como por exemplo um setor da empresa, um departamento ou simplesmente uma sala. Estes podem ser um local de controle unitário ou um local de controle pai, conforme explicado abaixo:

a) Local de Controle Pai: Deve ser utilizado para um ambiente que possui outros locais dependentes. O local de controle pai pode, inclusive, nem possuir um equipamento instalado. Obs: O local de controle pai só possui relação com os locais de controle uma camada abaixo dele na estrutura.

b) Local de Controle Unitário: Deve ser utilizado como um local de acesso, onde necessariamente haverá algum dispositivo facial da Biomtech instalado.

Para entender melhor esta estrutura, imagine um hotel onde as camareiras são divididas por andar, ou seja, cada camareira deve ter permissão para acessar todos os quartos de seu respectivo andar para efetuar a limpeza. Os hóspedes, por outro lado, só possuem permissão para acessar seu quarto durante o período de sua estadia. Não existe nenhuma barreira física que impede o acesso ao andar, entretanto, cada quarto possui uma faceLock para controlar a entrada e um faceBox para que o hóspede coloque pertence de valor como passaporte, jóias ou dinheiro.

Relação 1: 1º Andar Quarto 101: Neste caso, o local de controle pai é o 1º andar e o unitário é o quarto 101.

Relação2: Quarto 101 Cofre Quarto 101: Neste caso, o local de controle pai é o quarto 101 e o unitário é o cofre do quarto 101. Obs. Importante: Como os cofres estão em locais de controle dois níveis abaixo dos andares, as camareiras não poderão abri-los!!

Sendo assim, todas as pessoas alocadas no local de controle “1º Andar” possuem acesso aos equipamentos atrelados a este local de controle (caso exista algum) e aos equipamentos atrelados aos locais de controle subsequentes na estrutura, ou seja, os quartos.

Por outro lado, todas as pessoas alocadas ao local de controle “Quarto 101” possuem acesso à Face Lock da porta de entrada do apartamento 101. Estes usuários também terão acesso ao cofre, cujo local de controle é unitário e subsequente ao “Quarto 101” na estrutura.

PRONTO PARA CONVERSAR?

TEMOS SOLUÇÕES SOB MEDIDA PARA SUA CASA OU PARA SUA EMPRESA

FALE CONOSCO AGORA